A INFINIDAT, fabricante independente líder em soluções de armazenamento de dados empresariais à escala petabyte, torna público um estudo realizado pela Forrester Consulting, que detalha o nível de retorno do investimento (ROI) que as empresas podem conseguir ao implementar o sistema de armazenamento InfiniBox® desenvolvido pelo fabricante.

Para o estudo, de tipo TEI (Total Economic Impact), a Forrester criou uma teórica organização a partir de entrevistas com diversos clientes da INFINIDAT, das quais se depreende que, com a InfiniBox, o benefício agregado foi 14,3 milhões de dólares em poupança de custos de capital, com um período de amortização inferior a seis meses e um ROI de 125%.

Para a realização desta análise, a Forrester entrevistou oito responsáveis técnicos de clientes da INFINIDAT de diferentes indústrias, incluindo fabrico, saúde, banca e seguros, serviços tecnológicos e de telecomunicações. Estes clientes contam com um total de 65 sistemas InfiniBox e uma experiência combinada de 19 anos na utilização da plataforma.

Outras conclusões significativas deste estudo:

  • Poupança em despesas de capital de 14,3M$. Em média, os clientes entrevistados declaram ter poupado 50 por cento com a INFINIDAT, comparativamente com o que gastariam se continuassem os investimentos nas soluções de armazenamento prévias.
  • Poupança em tempos de inatividade de 1,2M$. Os clientes entrevistados reportaram um tempo de inatividade não planificado igual a zero.
  • Poupança por realinhamento de despesas operacionais de 1,5M$ através do modelo Capacity On Demand (CoD). A INFINIDAT oferece um modelo de fixação de preços flexível, que admite tanto as compras “tradicionais” de início como a capacidade flexível de armazenamento on demand. Os sistemas InfiniBox proporcionam uma capacidade de crescimento progressiva, já que os clientes pagarão apenas pelo que realmente usem, quando o fizerem.
  • Poupança em pessoal de 1,3M$. Os clientes inquiridos reportaram importantes poupanças com pessoal. Por exemplo, os administradores de armazenamento são mais produtivos e eficientes com a InfiniBox que com os sistemas de armazenamento anteriores.
  • Poupança em consumo de energia de 179.201$. Os clientes entrevistados dizem ter obtido poupanças significativas de energia e refrigeração em três anos, comparando a InfiniBox com os arrays de armazenamento anteriores.

A InfiniBox e a sua gama de capacidades de armazenamento resolvem os problemas dos dados mais críticos a nível empresarial. A tecnologia da INFINIDAT, apoiada por mais de 130 patentes, inclui suporte para ambientes de consolidação e virtualização, como VMware, nuvens privadas OpenStack ou workloads de Big Data e analítica, para dar suporte aos requisitos dos novos ambientes de inteligência artificial (AI) e machine learning.

“No momento de implementar sistemas tecnológicos, hoje as empresas centram-se em duas áreas principais: transformar digitalmente os seus negócios e obter mais dos seus investimentos em infraestruturas de TI”, afirma Israel Serrano, Country Manager da INFINIDAT Iberia. “Este estudo confirma que a nossa tecnologia pode acelerar estas iniciativas ao transformar a economia do armazenamento de dados, ao mesmo tempo que permite a empresas e fornecedores de serviços concentrar-se mais no seu negócio e menos nas suas infraestruturas”.

Poupanças em custos e tempo de inatividade

De acordo com os clientes inquiridos para o estudo da Forrester, os custos de infraestrutura prévios – especialmente os custos de armazenamento – estavam a aumentar rapidamente, enquanto o rendimento se estava a degradar. Vendo estes custos fora de controlo, os clientes perceberam que necessitavam de melhorar o rendimento, a disponibilidade e a escalabilidade nos seus novos investimentos, a fim de satisfazer as necessidades da empresa, mas mantendo os custos num nível reduzido.

Para fazer frente a esta problemática, os sistemas InfiniBox da INFINIDAT estão construídos sobre uma arquitetura desenhada para uma disponibilidade de 99,99999%, o que equivale a menos de 3 segundos de tempo de inatividade por ano, comparativamente com a média de entre 30 e 60 minutos anuais estimados para as soluções de armazenamento prévias.

Partilhe no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *